with Nenhum comentário

A Unimed Nordeste-RS está retomando os treinamentos direcionados aos médicos sobre as funcionalidades da Guia Eletrônica, porém a programação está sendo dividida por especialidades. Duas profissionais do Espaço Médico estão se revezando para ministrar as orientações, que iniciaram em junho e serão estendidas até a primeira quinzena de julho, abrangendo gastroenterologia, pneumologia e oftalmologia, entre outras. Para os médicos que estiverem impossibilitados de comparecer, quando receberem o convite, podem solicitar treinamento individual no próprio consultório. Nestes casos, o médico deve contatar o Espaço Médico pelo e-mail: espacomedico@unimed-ners.com.br, que será providenciado agendamento com uma profissional do setor, durante o horário de expediente do consultório, conforme a melhor disponibilidade do médico.

O cardiologista Dr. Ervino Gnielka, médico cooperado de Farroupilha, participou dos primeiros encontros promovidos pela Unimed, antecedendo a implantação da Guia Eletrônica, sentindo-se motivado a utilizá-la em seu consultório. “A adaptação foi progressiva, mas bem mais tranquila do que eu imaginava. Por iniciativa própria, favoritei os exames que costumo solicitar com maior frequência, identificando-os por apelidos. Com o tempo, vi que a busca no sistema foi facilitada com a adoção de ordem numérica para os códigos em questão. Hoje, posso afirmar que o fluxo de atendimento ficou mais ágil e eu não retornaria ao processo anterior”, relatou. Dr. Gnielka apenas mantém a solicitação em formato de papel, quando o beneficiário pertence à outra Unimed (que não possui a Guia Eletrônica) ou necessita de exames feitos por colegas de outros consultórios, que também ainda não aderiram à ferramenta.

Desde 7 de dezembro de 2015, a Guia Eletrônica está em funcionamento, de forma facultativa, sendo que a Unimed vem recebendo sugestões dos médicos para promoção de melhorias. A Cooperativa prevê 100% de implantação da Guia a partir de 15 de agosto de 2016, onde a parametrização sobre os autogerados (procedimentos e exames realizados em consultórios) viabilizará a solicitação exclusiva pelo Perfil Médico/Guia Eletrônica, constituindo a primeira fase do cronograma. O projeto tem a finalidade de reduzir custos com impressos, múltiplas solicitações de um mesmo código, maior controle, aumento da satisfação dos beneficiários – que podem acompanhar o andamento das autorizações – e otimizar o atendimento prestado.

Deixe uma resposta