with Nenhum comentário

O Dia Nacional do Livro Infantil é comemorado em 18 de abril. A data foi escolhida em homenagem a Monteiro Lobato e instituída em 2002, ano em que foi criada a Lei 10.402/02, registrando a data de nascimento do autor como o dia oficial da literatura infantojuvenil. Diante da importância da literatura infantil no desenvolvimento das crianças, a Unimed Nordeste-RS implantou o Projeto Incentivo à Leitura, com o objetivo de estimular o hábito da leitura em crianças de três a oito anos de idade.

A contação de história contribuiu para formar cidadãos mais conscientes. Contar uma história para uma criança é como se ela estivesse assistindo a um filme: sua imaginação consegue criar o ambiente em que se passa a história, os personagens, o cenário, os sons, as cores e os aromas. Se estiverem num grupo de crianças desconhecidas, verá que em poucos instantes estará se divertindo com elas, como se as conhecesse há muito tempo.


 


1) Crie um lugar especial de leitura 

Conforme a criança for crescendo, mantenha livros e revistas apropriados para a idade em prateleiras de fácil alcance, mantenha-as organizadas e ensine a criança a fazer o mesmo. Outra boa estratégia é colocar uma cesta cheia de livros e revistas ao lado dos lugares favoritos onde a criança costuma sentar-se para brincar.


2) Mantenha o ambiente de leitura atraente

Certifique-se de que o espaço de leitura tem boa iluminação. Mude os materiais frequentemente – adicione livros, mude as revistas de posição, inclua materiais que tenham relação com os interesses da criança ou com o conteúdo estudado na escola. Decore o ambiente com trabalhos artísticos da criança.


3) Incentive a criação de materiais

Deixe disponíveis materiais como lápis, canetas de colorir, giz de cera, cola e folhas em branco, para que a criança produza seus livros, cartas, cartazes e colagens. As crianças costumam gostar de ler coisas que elas próprias escreveram e de compartilhar as criações com a família e amigos.

Deixe uma resposta